Review Philips ShoqBox SB500 | TechTudo

A Philips ShoqBox SB500 é uma caixa portátil Bluetooth lançada no Brasil em setembro pelo preço de R$ 899. O aparelho promete graves de qualidade, com potência de 30 W, aliados à praticidade da conexão sem fio.

O design chama a atenção pelas luzes LED e resistência à água, mas a capacidade da bateria põe em cheque o bom custo-benefício do alto falante. Descubra, na análise a seguir, se vale a pena comprar a ShoqBox SB500.

Philips ShoqBox SB500: veja se vale comprar a caixa de som Bluetooth

Philips ShoqBox SB500 (Foto: Ana Marques/TechTudo)Philips ShoqBox SB500 (Foto: Ana Marques/TechTudo)

Design

A caixa da Philips é revestida em borracha e traz a certificação IPX7, o que permite mergulhar o aparelho em até 1 metro por 30 minutos. Essa característica oferece mais segurança para que o usuário leve a ShoqBox SB 500 para ambientes com piscina.

Existem duas opções de cores: laranja com cinza e azul. As luzes LED são coloridas e pulsam de acordo com a batida da música. No geral, é um design que chama bastante atenção e pode não agradar a quem procura por um produto mais discreto. A JBL Pulse 2, por exemplo, também conta com iluminação, mas com um corpo todo na cor preta, o que traz mais sobriedade ao aparelho.

Philips ShoqBox SB500 (Foto: Ana Marques/TechTudo)Philips ShoqBox SB500 (Foto: Ana Marques/TechTudo)

Na lateral, é possível encontrar os botões “Liga/Desliga”, Bluetooth, para avançar ou voltar uma faixa, abaixar/aumentar volume e o botão SHOQ, que permite aumentar instantaneamente os níveis do áudio sem provocar distorções na reprodução de música.

A SB 500 traz dois alto-falantes, um em cada extremidade da caixa. As dimensões são 230 x 105 x 101 mm e o peso é 1,01 Kg.

Conexões da Philips ShoqBox SB500 (Foto: Ana Marques/TechTudo)Conexões da Philips ShoqBox SB500 (Foto: Ana Marques/TechTudo)

Na parte de trás, há uma saída no padrão 3,5 mm e uma porta micro USB para a recarga da caixa.

Qualidade do Som

A caixa reproduz graves em boa qualidade, como prometido. No entanto, vale ressaltar que não se trata de um sistema de áudio profissional, como monitores de referência. Durante nossos testes, foi possível notar um certo déficit em frequências médias, principalmente ao escutar música próximo à caixa, com volume alto – mas nada que atrapalhasse de forma significativa a experiência auditiva.

Philips ShoqBox SB500 (Foto: Ana Marques/TechTudo)Philips ShoqBox SB500 (Foto: Ana Marques/TechTudo)

Devido à sua potência de 30 W, a Philips ShoqBox SB500 consegue atingir uma altura boa o suficiente para uma confraternização com amigos em um ambiente pequeno, como uma sala, por exemplo.

Bateria

A bateria da ShoqBox SB 500 durou cerca de 4 horas e 30 minutos (com uso contínuo do Bluetooth em volume máximo). Quando a bateria atinge um nível crítico, próximo ao final, o áudio é reduzido automaticamente, o que evita que a caixa gaste mais energia.

Nas especificações, a Philips informa que a bateria tem duração de até 8h. Esse tempo foi atingido com o uso de um cabo auxiliar de 3,5 mm em vez da conexão sem fio. O carregamento é feito via cabo micro USB, que acompanha o produto.

Conectividade

A ShoqBox SB 500 é compatível com Bluetooth nos perfis A2DP (distribuição avançada de áudio), AVRCP (controle remoto de áudio e vídeo) e HFP (mãos livres). Essa característica permite o emparelhamento da caixa com um smartphone para reprodução de música de plataformas como o Spotify, iTunes e YouTube.

O intervalo de comunicação – isso é, a distância na qual você pode manter o dispositivo que emite o sinal e a caixa afastados sem que o som seja interrompido, é de 10 metros, segundo a fabricante. Porém, essa especificação considera apenas um ambiente ideal, sem obstáculos como paredes e portas.

Philips ShoqBox SB500 (Foto: Ana Marques/TechTudo)Philips ShoqBox SB500 (Foto: Ana Marques/TechTudo)

Para testar esse quesito, deixamos um celular dentro de um quarto e levamos a caixa para outro cômodo a apenas 5 metros de distância em linha reta (mas com duas paredes no caminho). O resultado foi a falha de sinal – que não chegou a cair totalmente, mas entregou uma reprodução em baixa qualidade. Colocando o telefone em um cômodo mais próximo, com cerca de 4 metros de distância, foi possível usar a caixa sem problemas.

Um destaque positivo é a função “viva-voz”, com a presença de um microfone para atender ligações sem precisar pegar o celular.

É possível conectar a SB 500 à outro dispositivo (como um computador) via cabo no padrão 3,5 mm (que não vem na caixa). Ao contrário de muitos modelos recentes, o dispositivo não é compatível com NFC.

Preço e disponibilidade | Vale a pena comprar a Philips ShoqBox SB 500?

A SB 500 tem preço sugerido de R$ 899, mas já é encontrada em lojas online por a partir de R$ 599. Comparado a outras caixas de marcas populares, como Sony e JBL, o aparelho da Philips oferece um preço justo pelas especificações oferecidas. O mais comum é encontrar dispositivos com a metade da potência por preços mais altos ou bem próximos: a JBL Pulse 2, com 16 W, custa em média R$ 750 no mercado nacional.

Se você procura por uma caixa que valorize as frequências mais graves e que seja versátil para se adaptar a ambientes com piscina ou internos, a SB500 pode ser uma boa opção de compra. No entanto, uma decepção pode ser a bateria: em festas particulares, provavelmente será necessário usar a caixa conectada ao carregador.

Caso ainda não tenha se decidido, vale conferir outras caixas com luzes LED nesta lista feita pelo TechTudo.

Confira, a seguir, a ficha técnica completa da Philips ShoqBox SB 500:

 Dimensões (L x P x A)  230 x 105 x 101 mm
 Peso  1,01 kg
 Tempo de operação com bateria  8 h
 Drivers das Caixas acústicas  2 x 2 pol
 Potência de saída (RMS)  30 W
Sistema de áudio   Estéreo
 À prova d’água  IPX7
 Microfone embutido para conferência via caixa acústica 
 Resistente a impacto  Sim
 Perfis Bluetooth  A2DP, AVRCP, HFP
 Alcance do Bluetooth  Linha de visão, 10 M ou 30FT
 Conexões de áudio  Entrada Line In de 3,5 mm

Vale a pena comprar caixa de som Bluetooth? Comente no Fórum do TechTudo

Fonte

Deixe uma resposta