Miyazaki fala sobre a possibilidade de refazer o Demon’s Souls

Parece até que falarei da década de 90, quando não tínhamos internet e as novidades levavam séculos para chegar até nós, mas lá para o final de 2009 comecei a ouvir burburinhos sobre um jogo que acabou chamando a minha atenção. Sem receber muita cobertura por parte da mídia, um tal de Demon’s Souls estava conquistando muitos admiradores e como nos meses seguintes eu estive no Paraguai, aproveitei a oportunidade para comprar um game sobre o qual conhecia muito pouco. Foi uma aposta acertada.

Ao colocar o disco no PlayStation 3 percebi que aquele título era bem diferente de tudo o que eu já havia jogado, com uma atmosfera pesada, um enredo que não nos dava muitas explicações e uma jogabilidade extremamente punitiva. Porém, era no seu sistema de multiplayer que residia a sua verdadeira genialidade.

Sem uma grande campanha de marketing por trás e até por se tratar de uma título exclusivo para o console da Sony, infelizmente um número limitado de pessoas teve a oportunidade de conhecer aquela obra de tarde, principalmente na época do seu lançamento e por isso sempre houve um grande clamor para que o Demon’s Souls fosse refeito ou pelo menos remasterizado. O grande problema é que de acordo com o seu criador e atual presidente da From Software, Hidetaka Miyazaki, isso dificilmente acontecerá. A explicação veio após ele ser questionado se um dia veremos um remake:

É como quando você escreve — quando é jovem. Você olha para trás [para trabalhos anteriores] e pensa ‘Oh, Deus, no que eu estava pensando?’ Não é que eu esteja envergonhado, apenas não gosto de olhar para meus trabalhos anteriores.

Já sobre a possibilidade de uma remasterização, Miyazaki confirmou que isso dependeria da Sony, que é a proprietária da marca, mas que só concordaria com a ideia desde que uma importante exigência fossem atendida.

Se for um estúdio que realmente ame o trabalho original e realmente coloque seu coração e alma para realizá-lo novamente, então é algo que eu gostaria. Mas é realmente complicado porque eu tenho essas boas memórias. Pensar sobre a ideia de uma remasterização meio que me dá borboletas no estômago e me deixa um pouco nervoso, então é complicado. Mas eu entendo que existam tantos usuários e tantos jogadores e tantos fãs por aí que realmente amem o Demon’s, então se for algo que possa ser feito com um estúdio que tenha amado o trabalho, então sim, eu estaria bem com isso.

O curioso é ver o Miyazaki dizer que não gostaria de um remake, sendo que esta seria justamente a sua oportunidade de mudar algumas coisas que implementou no original e deixar o que já era bom ainda melhor. De qualquer forma, eu já me contentaria com essa remasterização, pois sempre achei o Demon’s Souls um ótimo jogo e acredito que desta forma um número bem maior de pessoas poderia ter acesso a ele. Então vamos lá Sony, eu sei que você adora ganhar um dinheirinho relançando jogos.

PS: com previsão de chegar ao PC, Xbox One e PlayStation 4 no dia 22 de março, Sekiro: Shadows Die Twice, será o próximo lançamento da From Software e embora a sua semelhança com a franquia Souls seja grande, a desenvolvedora garante que haverá muitas novidades na sua jogabilidade.

Fonte: Videogamer.

Post Original

Deixe uma resposta